fbpx
5 FORMAS DE MONETIZAR SEU NEGÓCIO COMO DESIGNER GRÁFICO

DESIGN

5 FORMAS DE MONETIZAR SEU NEGÓCIO COMO DESIGNER GRÁFICO

Guilherme Encinas
Escrito por Guilherme Encinas em 13 de março de 2017
5 min de leitura
Te vejo por lá!

Seja um dos primeiros a receber meu conteúdo exclusivo.

Você sabia que existem várias formas de Monetizar seu negócio como Designer Gráfico além daquelas tradicionais que você conhece?

Vou te mostrar algumas formas que realmente vão abrir sua mente e mudar seu modo de pensar sobre nossa tão querida área. Continue lendo e entenda todas as 5 Formas.

Bom, antes de explicar pra você quais são estas 5 formas, imagino que você deve ter ouvido falar muito sobre um modelo que vou chamar de Modo Tradicional. São os modelos mais comuns que pelo menos um deles você deve ter passado:

MODO TRADICIONAL

➤ À maioria das Faculdades por exemplo, devem ter passado aquele lindo modo padrão. Ser Designer é trabalhar em uma agência, abrir uma agência ou virar professor de faculdade.

Se você não se encaixa em nenhuma delas, vão dizer que você tem probleminha. Só lembrando que não estou generalizando, em base de pesquisas, infelizmente esta é a realidade.

➤ Após a faculdade a galera que sai com esta mentalidade vai atrás de emprego e acaba se frustrando um pouco ao ver baixos salários, falta de reconhecimento aos seus projetos e clientes que dão muito trabalho.

Por não terem muita experiência e talvez pouco tempo para ir atrás de oportunidades melhores, acabam aceitando propostas como estas e se acomodam.

O que acontece com este tipo de pessoa? Ela começa a reclamar, chorar e xingar a área pela internet e para todo mundo que pergunta à respeito. Não leve à mal se você está nesta situação, eu já fui assim até enxergar de outras formas.

➤ Enquanto estamos lutando pela nossa paixão durante a faculdade, tentando se dar bem no mercado de trabalho, temos mais um grande desafio que é a falta de apoio de familiares e amigos próximos.

Como a área não é regularizada, ela acaba sofrendo muitos preconceitos e as pessoas não costumam levar muito à sério, porém, para uma empresa os serviços de Design Gráfico são importantíssimos!

SAINDO DA CAIXA

Agora é a hora de mostrar pra você as 5 Formas de Monetizar seu Negócio como Designer Gráfico, uuhhuulll!! Mas calma aí, antes de você passar correndo e ficar com preguiça de ler, eu preciso te falar que a conclusão irá fazer parte de tudo isto.

Você poderá aplicar a estratégia da conclusão em qualquer uma das 5 formas que realmente irá funcionar 🙂
Vamos lá!

1. FREELANCER

Aposto que esta é sempre a primeira opção de muitos Designers enquanto estão trabalhando em agências, à maioria pensa em ficar no emprego enquanto faz uns freelas à noite.

Na teoria é perfeito, mas na prática não é bem assim =P

Muitas vezes um pode acabar atrapalhando o outro, ou você precisará escolher entre continuar tendo vida ou nunca mais sair da frente do computador. O ideal é realmente trabalhar apenas como Freela ou apenas na agência.

Mas como tudo na vida, existem Vantagens e Desvantagens, se tornar um Freelancer não é tão simples assim.

VANTAGENS

Fee Mensal: A maior dor de todo Designer é sair da agência e perder seu salário mensal para continuar sua vida estável.

O Fee-Mensal é uma ótima opção neste caso, ele é o método que algumas agências usam para “contratar” um freela pagando mensalmente por projetos.

Este freela apenas presta serviços para agência e não precisa necessariamente trabalhar lá dentro.

Vários Clientes: Sim!! Um bom freela pode pegar diversos clientes ao mesmo tempo, mas preze por qualidade e não quantidade ok?

MEI: Seja MEI para que seus clientes vejam que você realmente é um bom profissional e leva à sério. Você emite nota fiscal e tem CNPJ válido por um valor bem acessível. Ahh e não se esqueça dos contratos 😉

Seu próprio horário: Isso sim é que é vantagem!! Mas não exagere, à partir do momento em que virei freela, no início relaxei muito e perdi muito tempo.

Tente mesmo assim fazer seu horário comercial para não sair da linha, mas você pode ser flexível quando quiser!

DESVANTAGENS

Estabilidade: Ninguém quer correr riscos, o Freelancer precisa ter muito cuidado neste sentido, agora ele trabalha para si mesmo.

Clientes Instáveis: Se você não trabalha pelo menos com um pequeno contrato, diga Adeus à estabilidade.

Muitos clientes não tem palavra, não caia nas conversas, sempre formalize seus projetos de alguma forma para que você crie sua estabilidade com os clientes.

Internet de Boa Qualidade: A internet no Brasil não é tão acessível assim em termos de valores, porém o primeiro BOM investimento que você deve fazer é realmente de ter uma ótima internet, isto facilita tudo em seu trabalho como Freelancer.

Economize no café da manhã ou nas revistas de Design e pegue uma ótima internet.

Pagamento: Nem todo cliente é bom para pagar em dia, mesmo com contratos, portanto tome muito cuidado com as contas da sua casa.

Dê sempre prioridade para o que poderá prejudicar seu trabalho (internet, energia, ferramentas, etc).

Veja alguns exemplos de pessoas que trabalham como Freelancer de uma forma bem profissional:

Muca Vianna
Pedro Panetto
Walter Mattos

2. LOJA ONLINE

Sabe aquelas artes que você ama passar horas vetorizando e estilizando em seu computador? Sabia que ele pode virar uma Caneca, camiseta ou até um quadro? Exatamente!!

Encontrar fornecedores de matéria-prima nas redes sociais ficou muito fácil, criar loja também é totalmente possível de forma acessível. Pense em vender produtos com suas artes, serviços e outras coisas em uma loja online.

Você estudou por tanto tempo e sabe tanta coisa maravilhosa, os clientes não pagam o suficiente para que você use todas estas técnicas, este é um modo de usar todas elas ao seu favor!

Procure por grupos de Estampas, Canecas e outras coisas. O mais difícil você já tem, a Arte!

Veja um exemplo de loja online no estilo que mencionei:

Pendura Lá

3. AULAS ONLINE/PRESENCIAIS

Como todo Designer, aposto que você gosta sempre de aprender cada vez mais, mas se frusta em aprender muito e não colocar em prática com seus clientes, pois eles não pagam suficiente bem em comparação aos seus conhecimentos.

E porque você não começa a ensinar isto para as pessoas? Crie um curso online, procure por faculdades e ofereça workshops avançados, existem centenas de escolas presenciais que procuram sempre por bons profissionais na área.

Caso você não goste de criar aulas e ensinar, na internet também é possível você recomendar um curso já pronto de terceiros e ganhar uma comissão em cima disto.

Veja um exemplo de cursos online como disse acima:

Estúdio Daiana Oliveira

4. VENDER AULAS

Já parou para pensar em quantos portais de cursos online estão surgindo nos últimos anos? Está crescendo cada vez mais e você pode aproveitar muito bem disto.

Como? Entre em contato com portais grandes e ofereça algum tipo de treinamento específico, você pode vender um curso fechado, por módulos e até mesmo workshops!

Os portais online atualmente procuram por profissionais qualificados e que possuem expertises diferenciadas. Os softwares estão sempre em evolução, portanto os portais precisam sempre atualizar seus cursos.

5. BLOGS E PALESTRAS

Você estuda e geralmente tem aquela enorme paixão por determinado assunto? Que tal criar um blog, construir uma audiência para isto e vender serviços ou produtos através dele?

Você pode começar a palestrar através do grande reconhecimento que poderá ter com seu blog. Várias empresas procuram Formadores de Opinião para promoverem seus produtos e palestrar em eventos, assim você será bem reconhecido no mercado e conseguirá muitos clientes através deste formato.

Segue alguns exemplos de Blogs que trabalham desta forma:

Publicitários Criativos
Design Culture
100% Design
Café com Galo
Designers Brasileiros
Criatives
Portal Publicitário
Os Criativos

MAS COMO? TUDO ISSO É REALMENTE POSSÍVEL?
CLARO QUE É!

▻ Como posso me tornar um Freelancer se não consigo clientes?
▻ Porque devo criar loja online se ninguém compra de mim!
▻ Como eu crio curso online, ninguém nem me conhece.
▻ Já tentei montar o blog mas não consegui muitas visitas.
▻ Os clientes nunca vão atrás de mim! O que eu faço??

Muito simples, a melhor forma de aplicar qualquer um destes 5 métodos e obter sucesso é através de um formato:

CONSTRUIR SUA AUTORIDADE NAS REDES SOCIAIS

➤ Construindo sua Autoridade você vende qualquer coisa!

➤ As pessoas confiam em você.

➤ Você se destaca de quem ainda está no Modo Tradicional.

➤ Os clientes vão sempre atrás de você!

➤ Seu trabalho é bem reconhecido.

➤ Cada dia que passa sua audiência aumenta e consequentemente a demanda é mais alta.

Comece hoje mesmo a Construir sua Autoridade em seu mercado, apareça para o mundo!!

Mas como eu faço isso?

Então, este assunto é um pouco extenso e gostaria muito de fazer um artigo apenas relacionado à isto, vocês querem? Coloquem ali nos comentários!

Créditos das Imagens: Freepik

Recomendados Para Você:

Eai, gostou do conteúdo?

Conte nos comentários o que você achou!